Para descobrir o que é Inbound Marketing e como obter os melhores resultados a partir desta tendência do marketing digital, é preciso compreender uma única palavra: conteúdo. Tudo o que uma empresa faz no sentido de gerar conteúdo digital (redes sociais, blog, email…), trata-se das ferramentas à sua disposição para começar a investir em Inbound Marketing. 

Mais do que gerar conteúdo, para se destacar na internet é necessário criar um conteúdo inteligente, que dialogue diretamente com seu público-alvo. E é para isso que existe o Inbound Marketing, capaz de aumentar em até 97% o número de visitas ao site da empresa, podendo trazer muitos leads e futuros consumidores para a marca.

Geralmente, Inbound Marketing divide-se em quatro grandes áreas: e-mail, SEO, mídias sociais e blogs.  Veja outras vantagens de investir em mídias sociais no link  https://webtouch.com.br/investir-em-midias-sociais/. Para a empresa obter êxito em todas estas ferramentas de sua comunicação digital, torna-se necessário estar aliada a uma agência especializada em Inbound Marketing.

O processo de Inbound Marketing pode ser dividido em 5 etapas:

O que você vai encontrar nesse artigo

Atrair

Mão segurando ímã, atraindo likes, mensagens e pesquisas, simbolizando Inbound Marketing

A principal diferença entre Inbound Marketing e Marketing tradicional é o fundamento básico de atrair para conquistar. Atrair trata-se de gerar conteúdos capazes de converter pessoas que não conheciam a sua marca em visitantes ao seu site, ou em fãs da marca em determinada rede social, por exemplo.

Deste modo, consegue-se iniciar um relacionamento com aquela pessoa que gostou do conteúdo da marca. No entanto, para transformar este reconhecimento de marca em consumo efetivo, há um longo caminho que o marketing digital deve percorrer para chegar aos resultados.

Entre as principais ferramentas de Inbound Marketing para atrair novos consumidores, destacam-se: blog posts; técnicas SEO e geração de conteúdo para redes sociais.

 

Converter

Funil de vendas do Inbound Marketing simbolicamente convertendo engajamento em vendas

Considere que o Inbound Marketing trabalha diretamente levando em conta a jornada do consumidor. No processo de conversão o consumidor avança em direção à sua marca, mas ainda não decidiu que será ela a vencedora de sua tomada de decisão.

Trata-se de um processo intermediário, em que a empresa deve optar por fornecer conteúdos que estejam mais de acordo com o processo de compra do consumidor. Incentivando-o com materiais que tenham a capacidade de convertê-lo em vendas.

Nesse sentido, cabe aos profissionais de marketing digital fazer com que o consumidor encontre conteúdos capazes de lhe auxiliar a tomar a decisão de compra. Alguns dos conteúdos indicados para converter consumidores, no sentido de começar a gerar relacionamento com eles, são: formulários; call to action e landing pages.

 

Relacionar

Mulher apontando para uma avaliação positiva

 

O relacionamento das pessoas com as marcas pode ser compreendido em dois sentidos atualmente. No primeiro, trata-se daquele mais conhecido, em que as marcas adotam estratégias com a capacidade de fidelizar os seus consumidores. Dessa forma, geram o seu relacionamento apenas mercadológico, ou seja, na compra fiel de seus produtos ou serviços.

Porém, a partir da expansão do Inbound Marketing, o relacionamento entre consumidor e marca passou a ter outro sentido, em que todo o valor desta aproximação passa a ser o conteúdo.

Sendo assim, o conteúdo é o que impulsiona o relacionamento entre clientes e marcas. Aquele que recebe uma mensagem de empresa por rede social ou e-mail marketing, deve ver algo gere afeição, uma aproximação frente à marca. Este será um dos fatores decisivos no processo de tomada de decisão de compra por parte do consumidor.

Nesse sentido, investir no relacionamento com o cliente passou a ser muito mais do que fidelizá-lo através da comercialização dos produtos. Passando a ser também, uma opção de engajá-lo com sua marca, através dos conteúdos apresentados e das técnicas de Inbound Marketing adotadas.

Contudo, investir no relacionamento através da fidelização sempre foi um dos desafios da empresa. Com o surgimento do Inbound Marketing, gerar este relacionamento entre consumidor e marca tornou-se ainda mais importante. Esse é o trabalho de profissionais especializados capazes de atingir os objetivos que se espera a partir da utilização da internet.

 

Vender

Aperto de mãos

Considerando que determinada pessoa já tenha sido atraída para o seu site e convertida através de determinada página, é chegado o momento de realizar a compra do seu produto ou serviço. Para isso, em termos de Inbound Marketing, não basta apenas realizar a venda, é necessário encantar o consumidor.

Afinal, após todo um trabalho de comunicação que determinada marca realizou com aquela pessoa, que avançou por todos os estágios da jornada do consumidor até chegar a decisão da compra, é digno que se faça com que o cliente saia muito satisfeito, tendo a garantia de um excelente produto e, mais do que isso, que indicaria aquela marca à sua rede de contatos.

Por isso, não basta apenas vender para o consumidor, é necessário encantá-lo. Adotar estratégias de marketing digital que cativem o consumidor, e o faça pensar sempre nela toda vez que sentir determinada necessidade de compra.

 

Analisar

Relatórios e lupa, com calculadora, óculos e lápis à direita.

Tratando-se de Inbound Marketing, analisar pode ser compreendido e praticado de duas formas diferentes:

1) Análise de conteúdo: durante a realização de toda a campanha de Inbound Marketing, faz-se necessário acompanhar o desempenho dos conteúdos gerados. Dessa forma, pode-se identificar quais têm gerado os resultados esperados e quais apresentam falhas, pois se forem percebidas com antecedência através da correta análise de conteúdo, podem ser revertidas.

2) Análise pós-venda: com a venda já realizada, cabe às marcas fazerem o acompanhamento dos clientes para assegurar-se de que eles estão realmente satisfeitos com os seus produtos e que seriam potenciais replicadores da marca para a sua rede de contatos.

Como se sabe, trabalhar com Inbound Marketing é apostar na qualidade. A qualidade do conteúdo capaz de converter visitantes em leads e leads em consumidores, pode ser comprovada através de uma correta análise do conteúdo emitido e como ele é recebido pelo público impactado.

Já a outra qualidade, é a que permite a transição de mero cliente para um formador de opinião e recomendador da sua marca. Este estudo pode ser obtido através da análise de pós-venda. Essa análise também cabe ao Inbound Marketing, tendo em vista que ele dispõe de estratégias que podem auxiliar a percepção que determinado consumidor ficou da marca após a sua efetiva compra.